Informações sobre a entrada de animais no Japão

Informações Gerais

  • Solicita-se uma boa antecedência e programação, pois é exigido um período mínimo de 180 dias entre a realização de sorologia anti-rábica e a entrada no Japão.
  • O usuário deverá notificar a entrada do animal (import permit) ao Serviço de Quarentena do Japão, com 40 dias de antecedência em relação ao desembarque. Este ‘import permit’ deverá ser apresentado ao MAPA no momento de emissão do CZI.
  • É obrigatória a realização de sorologia que deverá ser efetuada após a aplicação de pelo menos 2 doses de vacina anti-rábica, com intervalo mínimo de 30 dias e máximo de um ano entre elas, ou seja, a vacinação anual para animais adultos é considerada válida. Para filhotes acima de 3 meses, deverá ser aplicado o esquema de duas doses, com intervalo mínimo de 30 dias.
  • A sorologia deverá ser feita em laboratório credenciado pela autoridade sanitária japonesa. O proprietário deverá entrar em contato com aquela autoridade sanitária para obter informações sobre os atuais laboratórios autorizados. O resultado deve ser superior a 0,5 UI/ml.
  • No caso de não haver obediência ao período de 180 dias entre a realização da sorologia e o desembarque, o animal cumprirá quarentena em território japonês.


LinkIconSaiba mais sobre a entrada de animais no Japão

Fonte: Ministério da Agricultura